Paranautas.com - ideias, acoes e debates em prol do grande Parana Clube

Ponto precioso

Após quase um mês sem entrar em campo, Paraná começa a Série B com empate

Publicado em 13/05/2017 - 19:17

O Paraná Clube somou seu primeiro ponto no Campeonato Brasileiro. Na sua estreia nesta edição da Série B, o Tricolor ficou no 0x0 com o ABC-RN, no Franqueirão, em Natal. Foi também o primeiro jogo da equipe sob o comando do técnico Cristian de Souza. Com pouco tempo de trabalho e uma série de desfalques, o treinador armou um time coeso e que praticamente não deu espaços ao adversário.

Além de Cristian de Souza, o Paraná contou com as estreias do lateral-direito Cristovam e do atacante Daniel Morais. “Defensivamente fizemos um bom jogo. A estratégia seria deixar o time mais leve no segundo tempo. Mas, tivemos que mudar duas peças no intervalo, o que nos prejudicou”, disse Cristian, que classificou como positivo o resultado, diante dos vários desfalques. “O lado positivo foi que os três estreantes foram muito bem”, frisou o treinador.

O primeiro tempo foi de raras oportunidades para os dois lados. O Paraná viveu de algumas tentativas de lançamento para Robson e Daniel Morais, mas sem sucesso. No intervalo, Cristian de Souza foi obrigado a sacar Zezinho e Robson, lesionados. Jhony e Murilo Rangel entraram na equipe, mas o panorama do jogo pouco se alterou. Léo fez duas grandes defesas, em uma delas, num chute de longa distância de Gegê. Com a entrada de Minho – o terceiro a estrear – na vaga de Biteco, o Paraná ganhou velocidade. O atacante fez Édson Lisboa trabalhar aos 31 minutos. Mas, o jogo ficou mesmo no empate sem gols.

ABC 0x0 Paraná Clube

ABC: Édson Lisboa; Jonathan Bocão, Oswaldo, Cleiton e Eltinho; Anderson Pedra, Erivelton (Dalberto), Echeverria (Adriano Pardal) e Gegê; Felipe Guedes e Nando (Caio Mancha). Técnico: Geninho.

Paraná: Léo; Cristovam, Rayan, Eduardo Brock e Júnior; Gabriel Dias, Zezinho (Jhony), Guilherme Biteco (Minho) e Renatinho; Robson (Murilo Rangel) e Daniel Morais. Técnico: Cristian de Souza.

Local: Frasqueirão (Natal-RN)

Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade (ES)

Assistentes: Leonardo Mendonça (ES) e Valberson Braz Zanotti (ES)

Renda: R$ 49.670,00

Público pagante: 1.444

Público total: 3.214

Cartões amarelos: Echeverria e Cleiton (ABC)

Departamento de Comunicação – Paraná Clube



LOJA OFICIAL

PARANAUTAS TV

CLASSIFICADOS PARANAUTAS

ENQUETE

Quem foi o maior treinador da história Paranista?

 

Processando...


Parcial
Enquetes Anteriores

ÚLTIMAS DO CLUBE NA IMPRENSA

GALERIA DE FOTOS

TÚNEL DO TEMPO - O QUE ACONTECEU NA HISTÓRIA DO CLUBE

03/05/2007 - Jogando na Vila Capanema, o Paraná é derrotado pelo Libertad (Paraguai) pelo placar de 2x1, jogo pelas oitavas-de-final.

09/05/1999 - Paraná aplica goleada de 6x2 no Coritiba, no Estádio Erton Coelho de Queiroz. Destaque para o jovem Ilan.

10/05/2007 - No jogo da volta, o Paraná foi ao Paraguai e empatou com a equipe do Libertad. Gol de empate marcado por Joelson.

13/05/2001 - Com gol de Fernando Miguel aos 47 do segundo tempo, diante do Coritiba no Couto Pereira, Paraná vai à final do Campeonato.

14/05/1996 - Saulo marca seu gol nº 100 com a camisa do Paraná, diante do Palmeiras.

18/05/1990 - Maior goleada da história do Paraná: 9x1 diante do Paranavaí.

23/05/1976 - Aniversário do Ricardinho.